news-sp

Assine a newsletter do Sem Paletó <3

Olha que amor: pra você que gosta de montão do Sem Paletó, agora você pode receber todas as novidades do blog por e-mail. Pra isso, você só precisa contar pra gente, bem, qual é o seu e-mail. A partir daí, você vai ficar por dentro de todas as aventuras que essa turminh… Brinks. Bota o e-mail aí. Beijos.

jovens-1

Povoado do Oriente Médio não envelhece e vive cerca de 120 anos

Ao que parece, existe uma fonte da juventude lá no Oriente Médio. Um povo que vive perto do rio Hunza, situado na fronteira entre a Índia e Paquistão, vivem, em média, 120 anos, quase nunca ficam doentes e sua aparência é sempre jovem. Pelo menos é o que afirma a History Channel.

Para manter a aparência jovial, os habitantes do local tomam banho imersos em águas geladas a 15 graus abaixo de zero, praticam esportes até os 100 anos de idade e as mulheres com cerca de 40 anos, possuem aparência de jovens de 15 anos. Por lá, também é comum dar à luz aos 65 anos. =O

A longa vida, segundo um médico escocês, se dá devido à alimentação rica em proteínas que o povo consome.

A única questão que eu fiquei na cabeça é: como afirmam que, por lá, eles vivem cerca de 120 anos se é no México que a pessoa mais velha do mundo vive (127 anos)? Fiquei sem saber se existe alguém vivendo ali com essa idade ou não =p

Leia a reportagem completa aqui.

entrevista-favaro

Diego Fávaro bate papo com Sem Paletó e comenta processo criativo de suas roupas

Diego Fávaro tem só 24 anos e é aquele tipo de garoto que tem a mente brilhante. Se você ainda não viu, dá uma bisbilhotada em sua página do Facebook. O cara faz aquilo que a gente ama: roupas. Roupas das boas, roupas legais. Ele se formou em Arquitetura e Urbanismo e largou tudo para se empenhar na criação de peças exclusivas e supercriativas.

FALL 2014 4

De uma cidadezinha do interior do Paraná para São Paulo, ele diz que nasceu embolado em linhas. Minha avó era costureira, algumas tias também. Minha mãe, quando morávamos no Paraná, tinha uma loja de roupas. Desde pequeno, acompanho o processo de confecção”, conta. Foi só no meio da faculdade que ele resolveu arriscar um curso de corte e costura. Na época com 19 anos, ele começou a desenvolver coleções pontuais para participar de concursos, sem intenções comerciais. Ano passado, ele resolveu montar sua própria marca (ainda bem!) e focar em malharia, que é a matéria que mais se identifica.

FALL 2014 3

59

“As minhas referências vem do cotidiano, gosto muito de observar a arquitetura, foi onde eu moldei minha personalidade, e meu trabalho muitas vezes remete a isso. Busco referências em detalhes, em musicas e em outros tipos de expressões artísticas”, afirma ele, que tem peças de roupas que todo mundo gostaria de ter no armário. “Eu tenho um processo criativo um pouco diferente de muitos estilistas. O convencional seria, após a pesquisa de referências e matérias, passar as ideias para o desenho (bidimensional), eu desenho pouquíssimo, quase nunca. Gosto de pesquisar referências e materiais e logo após vou passando pra moulage, e muitas vezes a forma da peça já me dá a direção da estamparia”.

25

Tá achando que o trampo é fácil? Fávaro cria absolutamente todas as peças de sua marca. Desde a criação, passando pela modelarem, corte, estamparia, até a costura. Ou seja: a roupa é 100% produzida por suas mãos. E trabalho bom é trabalho reconhecido: o cara vai desfilar no projeto LAB a partir de outubro, onde irá apresentar sua coleção de inverno 2015. Se a gente fica feliz? MUITO.

20

Para a coleção, Diego irá tentar uma coisa nova, mais experimental. “Por ter a oportunidade de entrar pra uma semana de moda de novos talentos, me sinto na liberdade de criar algo além dos interesses comerciais. Aos que me acompanham já há algum tempo, talvez entenderá melhor a minha visão e o que eu realmente quero transmitir. O tema da coleção ainda é segredo, rs”, diz.

4 15

Gostou? Você pode conseguir uma peça maravilhosa do cara pelas redes sociais (a fanpage dele é essa, oh: https://www.facebook.com/diegofavarobrand. Em novembro, ele pretende lançar, também, uma lojinha virtual.

1

Coisa mais linda.

cuecapesquisa

Garçon Model realiza pesquisa sobre consumo de roupa íntima masculina

Genial! A Garçon Model realizou uma pesquisa muito bacana com 1 mil homens sobre o uso e consumo de roupa íntima. O resultado é um infográfico (abaixo) bem bacana, que mostra que 90% dos homens compram a sua própria cueca e o estilo mais desejado por nós é a básica, brief. A marca mais confortável é a coleção realizada por David Beckham para a H&M. Legal, né? Tem mais info bacana, olha aí:

INFOGRAPHIC - Garcon Model - SOURCE FILE

camisetas-chico-rei

15% de desconto nas camisetas do Chico Rei para leitores do blog

Alô, alô. Você que, assim como eu, adora uma camiseta, fica a dica boa de hoje: leitores do Sem Paletó acabam de ganhar 15% de desconto na compra de qualquer produto na loja Chico Rei, uma das mais legais quando o assunto é camiseta.

O voucher é exclusivo para o blog e, para você conseguir o desconto, basta digitar o código CAPRIOLI no campo cupom-desconto no carrinho de compras da Chico Rei, na hora de fechar o seu pedido.

Corre, hein? A vantagem é até dia 30/09!

tattoo_suor

Recarregue seu celular suando na academia

É bizarro, eu sei, mas a tecnologia tá cada vez mais estranha. Se liga nessa: uma tatuagem que produz energia a partir do suor foi um destaques de um encontro que rolou em San Francisco, nos EUA. A tattoo, que, na verdade, é um adesivo, abriga uma biobateria alimentada por lactato, uma substância que é semelhante ao ácido lático, produzido durante exercícios físicos pelo corpo.

A técnica pode servir para, basicamente, fornecer energia para aparelhos eletrônicos como relógios, aparelhos cardíacos e smartphones. O que isso quer dizer? Que você pode carregar o seu telefone malhando. Issae.

Claro, tudo ainda é um teste e, no momento, a energia produzida pelo suor não é o bastante. A ideia é que se trabalhem no item para, num futuro próximo, ele atender às necessidades.

leia mais aqui.